Tema 2 - Os profissionais da conservação estão sendo preparados para gestão de conflitos?

  • Apresentação do Tema 2



    Os profissionais da conservação estão sendo preparados para gestão de conflitos?

    Assista aos vídeos que preparamos para você. 

    Queremos saber de você se está preparado para determinadas situações colocadas no vídeo. Deixe seu comentário e suas perguntas no final da página!

  • O papel da universidade na formação do profissional da conservação
    Você está preparado para trabalhar com gestão de conflitos? A Academia te preparou para isso? O que seria necessário numa grade curricular para termos mais profissionais capacitados na graduação?
    Nesse bate-papo com o Prof. Fernando da Silveira (UFMG), foi discutido o papel da universidade na formação do profissional da conservação. Além disso, falamos sobre os trabalhos direcionados para ambientes extremamente importantes para conservação devido à sua fragilidade e grau de endemismos, no caso, os geossistemas ferruginosos. Discutimos sobre a importância do profissional ter o domínio da legislação ambiental e, o mais crítico, o que a conservação perde quando o profissional não possui esse domínio!
    .
  • O desafio na gestão de Unidades de ConservaçãoSabe aquela expressão: ficar no olho do furacão?
    Então, ela é bem frequente em algumas profissões. Imagine você sendo um chefe de Unidade de Conservação, numa área de grande relevância ambiental, na Floresta Amazônica, e que tem como "inquilino" uma grande empresa de mineração de ferro!
    Esse é o dia-a-dia do biólogo Frederico Drumond, chefe da Flona de Carajás. Nessa conversa, ele conta sobre sua trajetória para se tornar um profissional capaz de lidar com grandes conflitos. Ele vai falar dos ganhos e perdas que um profissional vai passar ao trabalhar com conservação. E dá várias dicas para você se preparar na sua carreira!
  • Um ambiente ameaçado analisado por diversos profissionais da conservaçãoQuando se trata de gestão de conflitos podemos mostrar diversos exemplos e situações que acontecem aqui no Brasil. O mais importante nessa discussão é compreendermos como distintas profissões percebem um tema em comum. Com isso, no mês de junho, aconteceu um workshop em Belo Horizonte que permitiu uma excelente discussão sobre os desafios que diferentes setores enfrentam no dia a dia da profissão. O foco do evento era o uso racional dos ambientes ferruginosos, também conhecidos como Cangas, principalmente sobre a flora associada. O workshop também fez parte da nossa programação online e, assim, gravamos todas as palestras e estamos disponibilizando agora aqui no Pré-simpósio online. Foi um evento dentro de outro evento!
    Tivemos um grande aprendizado e que vamos levar para o simpósio em dezembro. Diversos profissionais de diferentes formações indicando os desafios de trabalhar com um tema que está em constante pressão sobre seu ambiente. Para ver as palestras (e recomendamos fortemente), basta clicar no link abaixo e você será direcionado para uma página com todo o conteúdo:

  • A visão socioambiental que o profissional deve terTalvez uma grande dificuldade que o profissional da conservação possui é não ter um olhar socioambiental no seu projeto. Muitas vezes perdemos a oportunidade de conhecer melhor uma área e, até mesmo, realizar um trabalho de educação ambiental com a comunidade que mora na região de estudo. O Prof. Dr. Alexandre Nascimento conta pra gente sua experiência em trabalhar com a conservação do Mico-Leão-da-Cara-Preta, e, principalmente, sobre sua interação com os moradores da região. Como ele menciona nessa incrível conversa, "o pesquisador é passageiro numa região, então devemos deixar a melhor impressão para a população."
  • Uma conversa sobre Políticas PúblicasConversamos com o Prof. Dr. José Cláudio Junqueira, ex-presidente da FEAM (Fundação Estadual do Meio Ambiente de Minas Gerais) e Coordenador da Pós-Graduação em Direito Ambiental da Escola Superior Dom Helder Câmara. Entre os assuntos abordados, discutimos sobre como podemos diminuir a distância entre o conhecimento existente e as políticas públicas e como é possível implementar mudanças na legislação ambiental.
    Assuntos de extrema importância nos dias atuais, não é mesmo?

APOIO

Imagem
Contribua para gerarmos diretrizes da conservação. Deixe um comentário!